Categoria: Plano de Saúde

Faltam médicos e medicamentos nas principais áreas de saúde do Rio

Rio de Janeiro continua em estado caótico de saúde pública em todo o estado, com falta de médicos e medicamentos nas principais áreas de atendimento, como upas e pronto socorros.

Ao todo foram 7 hospitais, coordenadorias regionais e UPAs que foram visitados neste sábado (7) em todas as regiões da capital, pela reportagem da Globo.

A crise na saúde pública do Rio não diferenciava modelos de gestão. A reportagem encontrou falhas em unidades administradas por OSs, por empresas públicas ou com servidores concursados, o que indica falta de qualificação até para profissionais com estudo.

Em alguns hospitais da capital, enfermeiros, médicos, técnicos e auxiliares disseram que a falta de pagamento dos salários de outubro e novembro tornou a situação insustentável.

Estado Caótico

Na Coordenação de Emergência Regional do Centro (CER Centro), os problemas eram com a estrutura do prédio. Havia infiltrações no teto vazando água já na recepção. Apesar de todos os leitos estarem ocupados, apenas metade dos médicos e enfermeiros estava trabalhando. Também faltavam aparelhos para exames e medicamentos.

A Prefeitura do Rio

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio respondeu que todas as unidades estão de portas abertas priorizando os casos mais graves.

Sobre o pagamento de funcionários com salários atrasados, a Prefeitura disse que o caso está na Justiça. E que os sindicatos se comprometeram a manter metade dos trabalhadores nas unidades. Mas a Prefeitura não disse quando vai pagar o que deve a eles.

Site Plano de Saúde

Fonte G1

O Plano de Saúde Faltam médicos e medicamentos nas principais áreas de saúde do Rio apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Plano de Saúde está em alta no Paraná

1 em cada 4 paranaenses têm plano de saúde e este número só aumenta

Plano de Saúde no Paraná – Segundo dados divulgados nesta sexta-feira dia 5 de dezembro pela Agência Nacional de Saúde, revelam que em outubro, o Paraná era o quarto estado da federação com o maior número de usuários de plano de saúde. Antes disso, a ANS registrou 2.852.613 beneficiários em planos e assistência médica no estado, o equivalente a 6% de todos os usuários de planos de saúde no país e o Brasil registrou 47.255.912 beneficiários em planos de assistência médica em 2019.

Esses dados revelam também que 24,95% da população paranaense praticamente um em cada quatro cidadãos – possui plano de saúde.

No ano passado, algumas empresas de plano de saúde particular, acabaram falindo devido a crise e a fuga de usuários tanto de planos individuais quanto empresariais, para clínicas populares ou do governo, sem uso de seguro.

Porém com o aumento da demanda por médicos do estado e clínicas populares,estas também não supriram a necessidade de parte da população, fazendo com que uma porcentagem retornasse ao uso de plano de saúde particular.

Entretanto, apenas as empresas com planos de saúde dentro do orçamento desta porcentagem da população acabaram tendo um aumento em seus segurados.

A crise não acabou, e a população não pode ficar sem atendimento médico, e o que pode ser feito neste caso, é a adesão de um plano de saúde mais em conta, tando para pessoa física quanto empresa.

O Plano de Saúde Plano de Saúde está em alta no Paraná apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Como manter a saúde dançando – ccxp 2019

A Comic Con Experience CCXP 2019 é palco da final do torneio brasileiro de Just Dance, popular jogo de dança da Ubisoft. Uma boa chance para você manter a saúde dançando em 2019.

A decisão do Just Dance M.A.C. Challenge acontece neste sábado dia 7 a partir das 18h30, na Oi Game Arena, palco principal da feira. Ao todo, oito jogadores buscam o título de melhor just dancer do Brasil nas categorias masculina e feminina.

A CCXP é uma feira internacional de cultura pop e geek, que acontece em inúmeros países pelo Mundo, e os ingressos para edição deste ano já estão esgotados. O evento acontece no São Paulo Expo entre os dias 5 e 8 de dezembro, recebe diversas atrações, como painéis e torneios de esportes, e tem diversos convidados e artistas confirmados, inclusive internacionais, além de promover atividades relacionadas ao universo do cinema, jogos, quadrinhos, mangás, cosplays…

Elenco de Star Wars na CCXP 2019

A Comic Con 2019 faz um dia dedicado ao império da Disney neste sábado 7. De Pixar a “Star Wars” e Marvel, quase todas as áreas da gigante têm um painel especial neste terceiro dia de evento.

Muitos convidados já estão no Brasil, como Daisy Ridley, Oscar Isaac e John Boyega, o diretor J. J. Abrams e a presidente da Lucasfilm, Kathleen Kennedy

Plano de Saúde

O Plano de Saúde Como manter a saúde dançando – ccxp 2019 apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Plano de Saúde volta a crescer em 2019

Brasil tem 47,2 milhões de usuários de plano de saúde, são 72 mil clientes a mais que 2018.

Dados divulgados nesta sexta-feira dia 5 pela Agência Nacional de Saúde revelam que, em outubro, o Brasil registrou 47.255.912 beneficiários em planos de assistência médica. Na comparação com o mesmo período do ano passado, houve aumento de 71,2 mil usuários.

O levantamento mostra que 15 unidades da federação registraram aumento, e os estados onde este aumento foram mais acentuados foram nos estados de Minas Gerais, do Rio de Janeiro e de Goiás. A ANS ressalta, porém, que os números não são definitivos e podem sofrer algumas modificações retroativas em função das revisões efetuadas pelas operadoras.

O número de usuários de plano de saúde exclusivamente Plano Odontológico também cresceu, mantendo a trajetória de evolução que está em cursos nos últimos anos. Em outubro deste ano, foram registrados 25.677.129 usuários, cerca de 1,5 milhão a mais do que outubro de 2018. Os estados com os avanços mais significativos estão no Sudeste: São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Dados Agência Brasil

Plano de Saúde

O Plano de Saúde Plano de Saúde volta a crescer em 2019 apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Plano Efetivo da Bradesco Saúde

Plano Efetivo da Bradesco Saúde – Com uma rede de mais de 160 hospitais em Minas Gerais, o plano exclusivo para região é voltado para as empresas a partir de três pessoas e visa ampliar presença da seguradora Bradesco no estado.

Líder do mercado de saúde brasileiro e com o maior crescimento em 2019, a Bradesco Saúde tem investido em planos empresariais regionais, customizados e com valor competitivo, buscando adequar às necessidades de cada cliente. Depois dos lançamentos em Recife e Grande Vitória, chegou a vez do Estado de Minas Gerais receber o Plano de Saúde Bradesco Efetivo, sendo chamado de Efetivo Minas. Neste mês de novembro, foi lançado o produto exclusivo para região, que conta com rede referenciada com mais de 160 hospitais no estado. O plano custa a partir de R$ 145,50.

Com cobertura nacional, o plano estará disponível para empresas a partir de três pessoas. O diferencial do produto é sua rede dimensionada para oferecer equilíbrio entre disponibilidade, qualidade e eficiência a custos competitivos. Com isso, a rede hospitalar está presente em diversos municípios, garantindo dispersão geográfica adequada em todo o estado. Em Betim-Contagem, a parceria é com o Hospital Mater Dei Betim; já na capital Belo Horizonte, o Hospital Felício Rocho é a referência. A rede conta ainda com Biocor Instituto no município de Nova Lima, Hospital Fundação Ouro Branco, em Ouro Branco, Hospital Monte Sinai, em Juiz de Fora, Hospital Santa Genoveva, em Uberlândia, Hospital Universitário Mário Palmério, em Uberaba, e Santa Casa Montes Claros, em Montes Claros. Além disso, o Efetivo Minas conta com ampla rede de serviço de diagnóstico composta por mais de 780 parceiros.

“O produto se baseia na parceria com prestadores de referência, fundamentada num modelo de negociações diferenciadas, que alinha os incentivos na busca da eficiência e qualidade no atendimento assistencial dos pacientes. Na prática, isso significa reduzir desperdícios de recursos, maior previsibilidade dos custos, preços mais acessíveis e expectativa de reajustes menores, além da melhora na qualidade assistencial por meio do cuidado promovido pela Atenção Primária à Saúde”, disse Flávio Bitter, Diretor Gerente da  Bradesco Saúde.

O Plano de Saúde Plano Efetivo da Bradesco Saúde apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Brasileiro está preocupado com a saúde mental

Análise nacional mostra aumento da procura por psicólogos, psiquiatras e terapeutas ocupacionais em plano de saúde no Brasil mais por causa de estresse emocional e depressão crescente.

Os beneficiários de plano de saúde médico e hospitalares estão realizando cada vez mais procedimentos de assistência à saúde mental. Entre 2013 e 2018, o setor perdeu 1,5 milhão de vínculos, mas o total de serviços de saúde per capita passou de 22,8 para 29,7.

No total, em 2018, foram realizados 1,40 bilhão de procedimentos de assistência médico e hospitalar, 5,4% a mais do que em 2013; o que elevou as despesas assistenciais (os gastos das operadoras de planos de saúde com os pacientes em suas carteiras) de R$ 92 bilhões, em 2013, para R$ 160 bilhões no ano passado.

Os números integram a análise especial do Mapa Assistencial, que acaba de ser publicada pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar.
Parte deste aumento na demanda por esses profissionais se deve a maior preocupação do brasileiro com sua saúde mental. Nos últimos cinco anos, o número de consultas com psiquiatras e psicólogos passou de 3,4 milhões para 4,9 milhões, um crescimento de 44,5%, destacando-se entre as consultas médicas ambulatoriais por especialidades.

Saúde Mental

Em outros atendimentos ambulatoriais, o total de sessões com psicólogos quase dobrou no mesmo período, indo de 9,1 milhões para 17,6 milhões – uma diferença de 93,8%.

E as consultas com terapeutas ocupacionais e psicólogos avançaram de 818,6 mil para 1,9 milhão – alta de 137,8%.

O Plano de Saúde Brasileiro está preocupado com a saúde mental apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Plano de Saúde dos Novos Idosos do Brasil

Os Novos Idosos do Brasil – e o novo Plano de Saúde, aumentam a rentabilidade para as empresas e corretoras. Os super idosos são pessoas acima dos 80 anos que não apresentam doenças crônicas e não usam medicamentos.

No Brasil a terceira idade começa legalmente aos 60 anos, mas graças aos avanços da medicina e dos cuidados gerais, o envelhecimento começa mais tarde.

Hoje em dia, já falamos de “Quarta Idade”, que começa aos 80 anos. Essa classificação foge de critérios clínicos e não está presente em diretrizes e outras publicações científicas, mas começa a circular extraoficialmente no rol de foco nas condutas médicas.

Nessa fase precisamos de um grande enfoque de prevenção e busca ativa de sinais e sintomas.Pesquisar deficiências nutricionais e fragilidades faz a diferença no estilo de vida, prevenindo o aparecimento de doenças. Identificar o exercício adequado e orientar a carga dessa atividade pode prevenir quedas, fraturas e outras lesões. Orientar o uso adequado de antidepressivos, indutores de sono e medicamentos para controle das dores crônicas, bem como reduzir medicamentos desnecessários fazem toda a diferença.

Vida ativa, feliz e plena de atividades sociais pode ser alcançada.No entanto, uma nova realidade em envelhecimento começa a aparecer no dia a dia de consultório: o chamado super idoso.

Plano de Saúde dos Novos Idosos do Brasil

O Plano de Saúde Plano de Saúde dos Novos Idosos do Brasil apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.

Programa Saúde do Homem e da Mulher

Plano de Saúde – Dia de prevenção à saúde, Programa Saúde do Homem e da Mulher, disponibilizou consultas médicas em diversas especialidades, exames preventivos, palestras, corte de cabelo, entre outras atividades destinadas aos produtores rurais em Nova Casa Verde.

Vendas Saúde Bradesco

O prefeito Gilberto Garcia acompanhado da primeira dama e vereadora Joana Darc Bono Garcia, o secretário Arion Aislan, vereador João Dan e o enfermeiro da ESF Casa Verde, Herlon Ricardo Gambarim Santos estiveram presentes na cerimônia de abertura juntamente com representantes do Sindicato rural e do SENAR/FAMASUL, parceiros nesta ação.

Desde o início da manhã, a equipe de profissionais da rede municipal de saúde, médicos, dentistas e voluntários neste programa realizaram um total de 652 atendimentos gratuitos aos moradores da zona rural de Nova Andradina, Nova Casa Verde e assentamentos.

O Plano de Saúde Programa Saúde do Homem e da Mulher apareceu primeiro em Saúde Plano - Plano de Saúde.

BB tenta salvar Plano de Saúde dos funcionários

Com um descasamento de capital que já ultrapassa os R$ 900 milhões e risco real de liquidação da carteira, a Cassi – o Plano de Saúde dos funcionários do Banco do Brasil – tenta pela terceira vez alterar seu estatuto para aumentar a contribuição dos associados e tentar salvar suas finanças. A proposta inclui ainda um aporte de mais de R$ 1 bilhão do próprio BB já no próximo mês. Os principais sindicatos apoiam a proposta.

Vendas Saúde Bradesco

Desde o ano passado, a Cassi tem sofrido reveses nas tentativas de aprovar, com os funcionários do banco, propostas para equalizar o déficit do plano – que atende a funcionários da ativa e aposentados, além de suas famílias. A primeira tentativa, no fim do ano passado, foi rejeitada. A segunda, em maio deste ano, conseguiu maioria de votos, mas não atingiu o quórum mínimo necessário para ser aprovada.

Agora, uma terceira proposta está em votação até o dia 28 de novembro – dessa vez, com o peso de um ultimato dado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Ela exige a apresentação, até 10 de janeiro, de um plano de saneamento que comprove a possibilidade de readequação financeira da Cassi em um período de 36 meses. Sem uma solução para o problema, o órgão regulador pode determinar a alienação da carteira do plano para outras empresas e, no limite, sua liquidação.

A nova proposta, que ainda encontra resistência entre parte dos funcionários do banco, prevê o ingresso imediato de mais de R$ 1 bilhão no caixa da Cassi já em dezembro, por meio de aportes do banco.

O Plano de Saúde BB tenta salvar Plano de Saúde dos funcionários apareceu primeiro em Saúde Plano - Plano de Saúde.

Plano de Saúde deve pagar despesa hospitalar de acompanhante de idoso

São PauloPlano de Saúde deve pagar despesa hospitalar de acompanhante de idoso.

Os ministros da Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça decidiram que cabe ao plano de saúde o custeio das despesas – diárias e refeições – dos acompanhantes de pacientes idosos internados. A decisão do STJ reforma acórdão do Tribunal de Justiça do Rio.

Vendas Saúde Bradesco

O relator, ministro Villas Bôas Cueva, afirmou que o custeio das despesas com o acompanhante é de responsabilidade da operadora do plano de saúde, conforme determinado em resolução da Agência Nacional de Saúde Suplementar.

Ele acrescentou que, no que se refere à obrigação legal criada pelo artigo 16 do Estatuto do Idoso, cabe à unidade hospitalar ‘criar as condições materiais adequadas para a permanência do do acompanhante do paciente idoso em suas dependências.

Vendas Amil Saúde

Vendas Bradesco Saúde

Plano de Saúde Amil

Plano de Saúde Bradesco

O Plano de Saúde Plano de Saúde deve pagar despesa hospitalar de acompanhante de idoso apareceu primeiro em Plano de Saúde Bradesco - Plano de Saúde Amil.